From Indigenous Peoples in Brazil

News

Temperatura da Antártica ultrapassa os 20 graus Celsius

14/02/2020

Fonte: O Globo, Sociedade, p. 35



Temperatura da Antártica ultrapassa os 20 graus Celsius

Degelo da região provoca avanço do nível do mar, causando uma série de pressões sobre a Humanidade

RIO - Conhecido como "continente gelado", a Antártica registrou no domingo, pela primeira vez, uma temperatura acima de 20 grau Celsius. Cientistas brasileiros do Projeto Terrantar detectaram o avanço dos termômetros na Ilha Marambio, na ponta noroeste da península.

Essa parte da Antártica, onde o termômetro bateu 20,75oC, é uma "região sentinela" - ganhou este nome porque as variações climáticas são tão intensas que precisam ser monitoradas constantemente. A longo prazo, as transformações que sofrem podem repercutir em toda a península. A Estação Comandante Ferraz, base brasileira no continente, está na mesma localidade.

- Há vários fatores ligados à alta variabilidade climática, como as correntes marinhas - explica Carlos Schaefer, coordenador do grupo Terrantar da Universidade Federal de Viçosa, que mantém 23 estações de monitoramento na península e em arquipélagos da Antártica. - A região é a origem das frentes frias que atingem o Brasil no outono e no inverno.

Aumento do nível do mar
O efeito mais direto do degelo é a elevação do nível do mar, que pode chegar a 1 metro até 2100, em todo o planeta. A Antártica contribuirá com menos de 10% do total, mas, quando o gelo do Ártico desaparecer, o continente gelado será o maior responsável pelo aumento contínuo dos oceanos.

Jefferson Cardia Simões, vice-presidente do Comitê Científico Internacional sobre Pesquisas Antárticas, avalia que a perda de gelo antártico é dominada pelo aumento da velocidade, recuo e rápido afinamento das principais geleiras da porção ocidental do continente.

- A Antártica está vivendo uma onda de calor, com um aumento da temperatura na superfície das águas do oceano austral - alerta. - É uma condição propícia para o deslocamento de geleiras.

O degelo antártico, ao provocar o avanço do nível do mar, exerce uma série de pressões sobre a Humanidade, como a ameaça à segurança alimentar e o aumento dos refugiados climáticos.

O registro realizado pelo projeto brasileiro, se for confirmado pela Organização Meteorológica Mundial, bate o atual recorde de temperatura máxima da Antártica, divulgado no último dia 6. Na data, a base Esperanza, localizada no extremo norte da península, registrou 18,3oC.

O aumento da temperatura não ficou restrito à Antártica. A Administração Oceânica e Atmosférica dos EUA (Noaa) anunciou ontem que 2020 teve o mês de janeiro mais quente desde o começo das medições, há 141 anos. No início do mês, o serviço europeu Copernicus chegou a mesma conclusão.

Além das temperaturas inéditas, a Noaa também destacou que a extensão da cobertura de gelo no Ártico ficou 5,3% abaixo da média registrada entre 1981 e 2010.

O Globo, Sociedade, p. 35

https://oglobo.globo.com/sociedade/temperatura-da-antartica-ultrapassa-os-20-graus-celsius-1-24246734
 

The news items published by the Indigenous Peoples in Brazil site are researched daily from a variety of media outlets and transcribed as presented by their original source. ISA is not responsible for the opinios expressed or errors contained in these texts. Please report any errors in the news items directly to the source