Noticias

MPF/AM quer atendimento prioritário de saúde para índios suruwahás

30/03/2010

Fonte: MPF - http://noticias.pgr.mpf.gov.br



Eles são um povo indígena com alto grau de preservação sociocultural e baixo grau de defesa imunológica a diversas doenças

O Ministério Público Federal no Amazonas (MPF/AM) recomendou à Secretaria de Estado de Saúde (Susam) que assegure tratamento prioritário e célere a quatro indígenas suruwahás de contato recente, que foram trazidos a Manaus para tratamento médico. Os suruwahás são um povo indígena com alto grau de preservação sociocultural e baixo grau de defesa imunológica a diversas enfermidades.

De acordo com a recomendação, a Susam deverá providenciar, com urgência, a realização de consultas, exames e intervenções médicas pertinentes ao atendimento à saúde dos referidos pacientes indígenas, reduzindo a permanência deles na capital e minimizando as consequências resultantes do contato deles com a população geral.

O MPF/AM recomendou, também, à Coordenação Regional da Fundação Nacional de Saúde (Funasa) no Amazonas e à Casa do Índio (Casai) de Manaus que providenciem os meios necessários para viabilizar o atendimento médico aos indígenas, garantindo os deslocamentos para a realização de consultas, exames e intervenções cirúrgicas necessárias e assegurando as condições de estada e alimentação dos pacientes e de dois acompanhantes.

O documento foi encaminhado à Susam e à Funasa na semana passada e os órgãos não se manifestaram a respeito do acatamento da recomendação até o momento. Caso não haja cumprimento das medidas, o MPF/AM adotará as ações judiciais cabíveis.

Recente contato - Os suruwahás são monolíngues e não possuem qualquer compreensão da língua portuguesa. É a primeira vez que os quatro pacientes e os dois acompanhantes indígenas vêm à cidade de Manaus, tendo apresentado dificuldades de inserção no ambiente urbano.

O pouco contato do grupo indígena com a população em geral ocasiona a baixa imunidade destes índios a maior parte das doenças existentes na sociedade nacional. No dia 15 de março de 2010, os pacientes contraíram gripe quando tiveram de esperar três horas para serem atendidos no SPA Monte das Oliveiras.

A ausência dos indígenas suruwahás que estão em Manaus para tratamento médico por períodos prolongados expõe de modo geral seus parentes à vulnerabilidade social pela ausência de responsáveis por suprir a subsistência por meio da caça.


Assessoria de Comunicação
Procuradoria da República no Amazonas
(92) 3663-5176 ou (92) 3611-3180 - Ramal 202
ascom@pram.mpf.gov.br

http://noticias.pgr.mpf.gov.br/noticias-do-site/indios-e-minorias/mpf-am-quer-atendimento-prioritario-de-saude-para-indios-suruwaha
 

Las noticias publicadas en el sitio Povos Indígenas do Brasil (Pueblos Indígenas del Brasil) son investigadas en forma diaria a partir de fuentes diferentes y transcriptas tal cual se presentan en su canal de origen. El Instituto Socioambiental no se responsabiliza por las opiniones o errores publicados en esos textos. En el caso en el que Usted encuentre alguna inconsistencia en las noticias, por favor, póngase en contacto en forma directa con la fuente mencionada.

Noticisa relacionadas