Especial

 

habi_kraho

Índio?  

O termo índio é fruto de um engano dos primeiros colonizadores que, ao chegarem nas Américas, pensaram estar na Índia - chamando de índios os habitantes desse continente.

No Brasil essa palavra é usada como sinônimo de indígena. Indígena quer dizer “aquele que é nativo e descendente dos povos originários de uma localidade”. Assim, quando falamos índios, estamos nos referindo a pessoas e comunidades que mantêm laços históricos e culturais com as organizações sociais nativas, anteriores à chegada dos colonizadores.

 

Os índios são todos iguais? 

Durante milhares de anos, os povos que viviam no continente americano conviveram e estabaleceram redes de troca - de coisas, experiências e ideias -, criando um conjunto de características comuns. Essas semelhanças fazem com que, em algumas situações, diferentes povos se identifiquem e até se refiram uns aos outros como iguais. 

Mas apesar das semelhanças que se pode notar entre alguns povos, muitas vezes eles mesmos se vêem como diferentes, pelo fato de possuírem histórias, práticas e modos de saber particulares. Eles têm culturas próprias e variadas; é por isso que não podemos dizer que existe uma única “cultura indígena”.

Ainda que muitas pessoas não se deem conta, existe uma imensa diversidade de povos indígenas em nosso país. Estima-se que, à época da ocupação europeia, fossem mais de 1.000 povos, somando entre 2 e 4 milhões de pessoas. Atualmente vivem no Brasil 246 povos indígenas, falantes de mais de 150 línguas diferentes!

Foto: diversos autores, veja aqui  

  

Futuro indígena

No Brasil, até meados dos anos 1970, acreditava-se que o desaparecimento dos povos indígenas seria algo inevitável. A populaçao indígena sofreu muito com doenças e conflitos com não indígenas, o que fez com que muitos povos vissem morrer a maior parte de sua populaçao. 

Além disso, no Brasil foi muito propagada a ideia de que os índios seriam "assimilados". Dizia-se que o futuro deles seria deixar de ser índio e, até hoje, é comum ouvirmos pessoas falarem como se os índios só existissem no passado e não participassem do futuro.

Mas pelo contrário, o que se verificou nos anos 1980 foi uma tendência de reversão da curva demográfica e, desde então, a população indígena no país tem crescido, indicando uma retomada demográfica por parte da maioria desses povos - embora povos específicos tenham diminuído demograficamente e alguns estejam até ameaçados de extinção.

Foto: diversos autores, veja aqui     

Hoje a população indígena soma 896.917 pessoas segundo o Censo IBGE de 2010. A tendência se reverteu e agora é inquestionável o crescimento da populaçao indígena. A ideia de que os índios seriam "assimilados" também tem se mostrado falsa.

Nos últimos anos, aumentou o número de populações que passaram a reivindicar pública e oficialmente a condição de indígenas no Brasil. São povos que, apesar de nunca terem deixado de ser indígenas, se viram violentados e obrigados a não se assumirem como tal por uma situação histórica. Espoliados cultural e territorialmente ao longo do tempo, esses grupos reencontram, no presente, contextos favoráveis à retomada de suas identidades. Esse processo não acontece só no Brasil, mas também em outros países como na Bolívia e na Índia.

Por isso tudo, está claro que os povos indígenas fazem parte do futuro! Não será suficiente ignorar os modos de ser indígena acreditando que desaparecerão.

Não deixe de ler a entrevista  “O futuro dos índios”, com a antropóloga Manuela Carneiro da Cunha!
 

 

Palavras indígenas

A chegada dos brancos

 

 

 

Vidal. Foto: Alba L. G. Figueroa.
Narrativa Sateré Mawé

O irmão de Eva
por Vidal

 

 
Narrativa Sateré Mawé

O imperador era índio
por Alfredo Barbosa

 

 

Entre a aldeia, a cidade e o cosmos

 

  

A cosmopolítica das mudanças (climáticas e outras)

 

 

 

 

 

 

Quem vive onde

Para saber em quais estados estão os diferentes grupos, pesquise abaixo:

 

 

Troncos, famílias, línguas

Atualmente, mais de 180 línguas e dialetos são falados pelos povos indígenas no Brasil. Elas integram o acervo de quase sete mil línguas faladas no mundo contemporâneo (SIL International, 2009). Antes da chegada dos portugueses, contudo, só no Brasil esse número devia ser próximo de mil. Saiba mais...

Direitos

Constituição

Os direitos constitucionais dos índios estão expressos num capítulo específico da Carta de 1988 (título VIII, "Da Ordem Social", capítulo VIII, "Dos Índios"), além de outros dispositivos dispersos ao longo de seu texto e de um artigo do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias.

Trata-se de direitos marcados por pelo menos duas inovações conceituais importantes em relação a Constituições anteriores e ao chamado Estatuto do Índio. A primeira inovação é o abandono de uma perspectiva assimilacionista, que entendia os índios como categoria social transitória, fadada ao desaparecimento. A segunda é que os direitos dos índios sobre suas terras são definidos enquanto direitos originários, isto é, anterior à criação do próprio Estado. Isto decorre do reconhecimento do fato histórico de que os índios foram os primeiros ocupantes do Brasil.
Saiba mais...

Estatuto do índio

O Novo Código Civil (2002) retira os índios da categoria de relativamente incapazes e dispõe que a capacidade dos índios será regulada por legislação especial. Desde a promulgação da Constituição surgiram propostas em tramitação no Congresso para rever a legislação ordinária relativa aos direitos dos índios. A partir de 1991, projetos de lei foram apresentados pelo Executivo e por deputados para regulamentar dispositivos constitucionais e para adequar a velha legislação aos termos da nova Carta. Em 1994, uma proposta de Estatuto das Sociedades Indígenas foi aprovada por uma comissão especial da Câmara dos Deputados, mas encontra-se paralisada em sua tramitação.

Saiba mais...

Consulta prévia

O dever de consulta prévia é a obrigação do Estado (tanto do Poder Executivo, como do Poder Legislativo) de perguntar, adequada e respeitosamente, aos povos indígenas sua opinião sobre decisões capazes de afetar suas vidas. Essa obrigação está disposta na lei que ratifica a Convenção 169 da OIT (C-169 da OIT) e reafirmada na Declaração da ONU sobre direitos dos povos indígenas (DNUDPI).

Saiba mais...

 

 

 

Os povos indígenas tem lugar na sua vida?
Então compartilhe sua história!

 

Vídeos